Redige habitualmente em latim, língua que não domina nem tão pouco conhece, artigos científicos que as revistas da especialidade teimam em não publicar. Para a TV7 DIAS e MARIA escreve artigos económicos. No tempo que lhe sobra escreve aqui.
22
Jul 11
jls, às 18:57link do post | comentar

Enquanto Sónia Brazão dava a sua nonagésima entrevista do dia, a quinta ao mesmo jornal, foi aprovado no parlamento o imposto extraordinário sobre metade do subsídio de Natal a aplicar aos poucos privilegiados que por essa altura terão trabalho, medida imprescindível para que na grave situação financeira em que o país se encontra as coisas fiquem rigorosamente iguais.


A medida que faz parte do esforço colossal a que o primeiro-ministro deitou mãos e que se enquadra na luta contra o gordo, o défice, perdeu agora alguma lógica após o bónus Merkliano da folga na restruturação da divida com juros mais baixos e prazos mais longos.


Surpreendente seria se em Novembro, num épico de esforço de relançar o consumo interno (de produtos nacionais preferencialmente) se criasse uma sobretaxa ordinária que devolvesse os agora 50% taxados e ainda anulasse o impostos sobre os 50% restantes. Vamos esperar. Por isso e por uma entrevista da Sónia Brazão ao Diário da República.


mais sobre mim
Julho 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
11
13
14

16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


posts recentes
pesquisar neste blog
 
subscrever feeds
blogs SAPO