Redige habitualmente em latim, língua que não domina nem tão pouco conhece, artigos científicos que as revistas da especialidade teimam em não publicar. Para a TV7 DIAS e MARIA escreve artigos económicos. No tempo que lhe sobra escreve aqui.
07
Jul 11
jls, às 19:41link do post | comentar | |

Há meses atrás a Moody`s cortou o rating de algumas empresas públicas, nomeadamente a Refer, a CP, a RTP e Parpublica para um nível considerado como lixo. Ontem foi o corte no rating da república em quatro níveis também para “lixo” e com perspectivas de revisão futura negativa, provavelmente “dejeto”.


Também Lisboa, Sintra assim como as regiões dos Açores e da Madeira já se encontram no nível “lixo”, ou seja sem estatuto de investimento.


Curiosamente as poucas empresas municipais que esperam pacientemente essa classificação ainda não a obtiveram. Empresas como a SUMA, a EMAC ou a IPODEC fazem o possível para obter esse grau e assim promover a sua área de negócio. O lixo.


28
Abr 10

 

Ontem quando o meu PEC adoeceu corri para o Banco das urgências de Portugal. Depois de uns intermináveis 5 minutos de espera atenderam-nos. Mediram-lhe o rating, tiraram-lhe uma amostra da divida para análise e mandaram-no fazer um raio x às contas. De concreto não descobriram nada e mandaram-nos para casa com uma caixa de spreads para tomar de oito em oito horas.

 

Hoje a situação piorou um pouco. O rating voltou a subir, está com tonturas, já teve uma pequena convulsão e está em estado de negação. O engenheiro que estava ontem de banco disse que pode ter sintomas de Medina Carreirismo e uma pequena bancarrota interna. Senão melhorasse nos próximos dois dias, o melhor seria interna-lo numa agência financeira ou leva-lo a um especialista. Aconselhou-me dois: o Standard e o Poor`s.


mais sobre mim
Julho 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
11
13
14

16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


pesquisar neste blog
 
subscrever feeds
blogs SAPO