Redige habitualmente em latim, língua que não domina nem tão pouco conhece, artigos científicos que as revistas da especialidade teimam em não publicar. Para a TV7 DIAS e MARIA escreve artigos económicos. No tempo que lhe sobra escreve aqui.
29
Jul 11
jls, às 19:21link do post | comentar | |

Numa altura em que se apregoa a ética e a transparência era mais responsável mudar a publicidade no site. Com verdade eramos todos mais felizes.

 

 

 

 

 

  

 



04
Mai 10
jls, às 01:09link do post | comentar | |

A actriz do PS Inês de Medeiros, eleita deputada pelo plano limitado por uma circunferência de Lisboa, comunicou hoje a Jaime Gama que vai prescindir da comparticipação nas suas viagens aéreas a Paris não pela ética intrínseca à causa mas pelo facto da TAP ainda não ter respondido à carta que enviou a Fernando Pinto queixando-se do horário do voo Paris-Lisboa das manhã de segunda, (6.30 H), que na sua opinião deveria ser às 15.40 H de quarta-feira.

 

Corrobora esta opinião o primo de Jaime, Vasco da Gama, um antigo Airbus A320 com 12.000 horas de voo, a quem já custa voar a horas tão madrugadoras. No Inverno é um martírio levantar-me voo tão cedo disse o avião à revista UP, pasquim da TAP, enquanto alongava os flaps de pois de mais uma viagem. Questionado sobre o comportamento de Inês nas viagens, Vasco queixou-se que não fosse o facto de estar sempre a pedir para passar os seus filmes, nomeadamente os Cornos de Cronos, não teriam de a prender tantas vezes no porão.

 


31
Ago 09

Foi com uma lágrima no olho, provocada por um Cisco segundo a ala radical e pela Oracle na opinião da ala moderada, que Carolina Patrocínio anunciou o fim da recessão técnica. Com um discurso emocionante, ao nível dos melhores que Barack Obama fez no infantário enquanto criança, a mandatária da juventude do PS trouxe-nos a boa nova.

 

Uma fonte do PS, mais precisamente o homem da barraca das farturas,  chegou mesmo a dizer que não se emocionava tanto com um discurso desde que Manuel Pinho havia anunciado o fim da crise antes dela verdadeiramente começar.

 

Era inevitável que o anuncio de tão esperada noticia recaisse sobre uma figura carismática do PS. Apesar de não ser militante do PS e de só há um mês lhe terem explicado o que era isto da politica, Carolina achou logo imensa graça e terá mesmo confidenciado a um grupo restrito de 1685 amigos que um dia ainda chegará a Presidente da Camara da SIC.

 

Carolina, que tem como hobby torturar a empregada pedindo-lhe que tire os caroços às cerejas e as grainhas às uvas, informou ainda a imprenssa que prefere fazer batota a perder. Foram estas polémicas declarações, e ainda o facto de actualmente apresentar o programa da SIC TGV, que convençaram, segundo o que se ouve pelos corredores do Largo do Rato, Mario Lino a descartar a sua primeira escolha, o Pato Donaltim.

 

Mario Lino, terá mesmo dito a um desconhecido que por sua vez comentou com um ecoponto amarelo, o seguinte: “No PS precisamos de gente nova com sangue na guelra, forte personalidade e mentalidade vencedora. Se a isso juntarem, como é o caso, conhecimentos técnicos sobre o TGV e umas boas pernas tanto melhor.”


26
Jul 09
jls, às 19:22link do post | comentar | |

A mais promissora estrela do BE, Joana Amaral Dias (JAD), agitou ontem, e de que maneira, o mercado de transferências.
 
Foi o PS quem fez a primeira proposta ao empresário de JAD. Um lugar nas listas do PS e a presidência do Instituto da Droga e da Toxicodependência. O BE contrapôs. Só deixaria sair JAD por troca com um novo reforço para o ataque. Chegou a falar-se em Manuel Alegre.
 
Mais tarde foi Sócrates que veio a publico desmentir as negociações em curso, informando que o ministro das finanças, Teixeira dos Santos, já havia excedido o orçamento deste ano em muito milhões e como tal era pouco provável qualquer nova aquisição para as listas do PS. Novas aquisições só a custo a zero ou por empréstimo, disse Sócrates em quanto falava ao telemovel com o seu primo na China.
 
E quando as águas pareciam amainar eis que surge no nº 131 da Almirante Reis, sede do BE, uma nova proposta. Florentino Perez, presidente do Real Madrid, estava disposto a abrir mão de uns largos milhões de euros só para ter JAD na sua constelação de Galácticos. Francisco Louçã, hábil negociador, exigiu um sobrinho de Zapatero, um guerrilheiro da ETA e o defesa luso-brasileiro Pepe. Diria depois, em conferência de imprensa, que era sua intenção adapta-lo ao corredor esquerdo e pôr-lhe um defesa do Getafe à frente.
 
Com o negócio praticamente fechado, já se abriam as primeiras garrafas de Champomy, surge uma nova proposta na Almirante Reis. Do Largo do Caldas vinham noticias que o CDS-PP tinha entrado no negócio e estava disposto a dar o seu líder Paulo Portas, 25 % do passe de Nuno Melo e 3% dos votos das últimas europeias. O porta-voz do partido, citando declarações suas na Gazeta de Almeirim, disse nada saber sobre o negócio mas que tinha estado numa festa no Tamariz e ouvido uns zun-zuns. Ou falavam disso ou foi o Rum do continente que me deixou estas dores de cabeça horríveis.
 
Para hoje espera-se um comunicado da própria JAD, incontactável desde ontem por carta e telefone fixo, que se refugiou numa pensão do Martim Moniz.

mais sobre mim
Julho 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
11
13
14

16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


pesquisar neste blog
 
subscrever feeds
blogs SAPO