Redige habitualmente em latim, língua que não domina nem tão pouco conhece, artigos científicos que as revistas da especialidade teimam em não publicar. Para a TV7 DIAS e MARIA escreve artigos económicos. No tempo que lhe sobra escreve aqui.
30
Out 09
jls, às 00:18link do post | comentar | |

No dia que Armando Vara vice-presidente do BCP e José Penedo presidente da REN foram constituídos arguidos o mercado bolsista reagiu em alta. O BCP subiu 6% e a REN 2%.

 
Por engano em vez de ligar para o meu Corretor liguei para o Dr. House mas a explicação que me deu também é valida. Pediu-me para imaginar um organismo com um tumor, é lógico que quando o retiramos aumentamos a esperança e qualidade de vida desse organismo.
 
Aguçou-me a curiosidade e não resisti em perguntar-lhe o que acontece aos tumores. É simples vão para o lixo ou entregamo-los ao Manuel Godinho da O2. Mas essa gestão é um processo muito complexo.
 
Lembrei-me das sábias palavras de António Mexia, presidente da EDP, e chorei: “Gerir é transformar complexidades em resultados”.
 

29
Out 09

Foi ao volante do seu tractor agrícola e de boina na cabeça (do mesmo modelo da que Paulo Portas usou na campanha para as legislativas de 2005, o modelo do tractor não conseguimos apurar) que o arguido Armando Vara, enquanto amanhava umas terras de Jardim Gonçalves junto ao TagusPark, falou connosco sob promessa de não publicarmos aqui a conversa.

 
Cumprindo a promessa, não publicaremos a conversa mas apenas o que foi dito.
 
Armando Vara disse que desde deixou o tacho no ministério sempre foi perseguido. Foi perseguido quando foi para a PT, foi perseguido quando foi para CGD, foi perseguido quando foi promovido na CGD e já estava a trabalhar no MILLENNIUM e agora no MILLENNIUM também é perseguido.
 
Natural de Vinhais, Bragança, Vara sente-se transtornado por andar uma vida inteira a ser perseguido só pela simples razão de ter passado a vida inteira a meter cunhas. Antigo aluno da UNI orgulha-se de ter sido o primeiro português a acabar uma pós-graduação no ISCTE sem antes ter feito a licenciatura, como ainda exibe no seu CV.
 
Agora mais isto, sou arguido só por ter sido apanhado numas escutas a tentar ganhar algum por fora. Diga-me lá se isto não é perseguição. Todos sabem que as escutas são ilegais mas continuam a insistir em escutar quem trabalha.
 
Ao repararmos que havia um coelho com a “face oculta” que ladeira a baixo seguia o tractor concordamos. Armando Vara é sem duvida um homem perseguido.

mais sobre mim
Julho 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
11
13
14

16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


pesquisar neste blog
 
subscrever feeds
blogs SAPO